Wednesday, May 20, 2009

Aconteceu

Essa semana, depois de meses de agonia, decidi que não iria voltar para o trabalho.

Ontem liguei para a minha chefe e tive a tão esperada conversa com ela. Achei que fosse tirar um peso da minha cabeça depois de tomar a decisão, mas o que senti foi uma tristezinha, um vazio... Sempre gostei muito do meu emprego, dos projetos, das viagens, das pessoas (leia aqui e aqui)... E mais de 3 anos num lugar também nos faz ter um certo apego. Mas um lado ruim sempre foi que eles não pagam bem. E aqui nos EUA babá é caro pra caramba e creche também. Como sempre quis dar um gás na Love, Ink (by the way, o novo site está quase pronto!), achei que esse era o momento certo. Deixar o Thomas com alguém, junto com o meu salário quase todo, não estava me soando como uma coisa sensata.

Passa pela cabeça da gente todos os cursos que já fizemos, o tanto que ralamos para chegar onde chegamos... Pra de repente largar tudo de mão. O que tenho falado para mim mesma mil vezes é que essa decisão não é para sempre... Que ano que vem, quando o baby não for mais baby, coloco ele na creche e tento arranjar um emprego novo. Isso se a Love, Ink não estiver bombando, né? :)

Agora me diz, tem coisa melhor do que se dar o luxo de ficar em casa numa fase tão boa como a que estou vivendo com essa coisinha fofa que é o Thomas???

Agora é olhar pra frente, juntar as energias e ao invés de me auto-nomear como "unemployed", vou passar a usar o termo "self-employed".

6 comments:

MP said...

é isso aí Juju!! Além de self-employed vc tbm pode dizer: graphic designer de MUITO sucesso! Vai com fé que TUDO vai dar MEGA certo! Muitos beijos

Anonymous said...

Ju, a Love Ink eh sucesso garantido!!
To doida para ver o Thomas!! (e voce amiga, claro, hehehe).
beijinhos querida
milenamb

Isa said...

Boa Sorte na nova fase!! Agora vc é tb um motherholic! ahaha
bjo

JULIANA said...

Gente não estou acreditando... aconteceu comigo tb, no meu caso eles que decidiram por mim, a empresa não quer mais mulher c/ filhos. No fim adorei a ideia por tudo que vc relatou aqui...

cynthia simonetta said...

Ju
vai dar tudo certo, voce tomou a decisao certa!
beijos

Mara said...

Poxa, não sou a única! Também tomei esta decisão, só que decidi no começo da gravidez - largar o emprego e trabalhar de casa numa idéia minha enquanto cuido da minha filhota. Por um lado dá um aperto pensar que você investiu tanto na sua carreira, chegou onde chegou e simplesmente largar isso (alguns supervalorizam o status profissinal, infelizmente). Por outro lado me sinto privilegiada, acompanho cada sorriso, cada aprendizado, amamento sem pressa, coisa que muita mãe não tem a chance de fazer. Não ganho o mesmo que ganhava, mas tenho liberdade de criação, coisa que sentia falta. Vida de mamãe designer! Adorei o blog, vou aparecer sempre por aqui :) Sucesso pra você, vai dar certo vc vai ver!!