Thursday, October 29, 2009

Preconceito?

Hoje, na aulinha do Thomas, vi que tinha uma mãe brasileira com um menininho. Fiquei toda feliz e já fui puxar um papo. "Oi, você também é brasileira?". O que recebo de resposta? Uma cara feia. Ainda perguntei o nome do filhinho dela e recebi uma resposta bem seca.

É impressionante como tem brasileiro que tem preconceito com brasileiro. Morando fora a gente se vê numa situação complicada, afinal de contas não é só porque a pessoa é brasileira que vamos nos dar bem com ela, não é mesmo? Mas tem muito brasileiro que mora aqui que é o contrário: se a pessoa for brasileira, já não presta. A tal da mulher me ignorou durante os 45 minutos em que estivemos no mesmo ambiente. Me senti mal com aquele tratamento. Não quer se aproximar, ótimo. Mas educação sempre é bem-vinda.

8 comments:

Anonymous said...

Falou tudo!! Nao eh a unica que pensa assim, volta e meia saio com meu filho em parques e encontro brasileiras com seus filhos...e tratam com descaso e com mto preconceito mesmo...

MP said...

igual a minha vizinha de porta.. que é brasileira e só fala em espanhol comigo....quando fala!

Paty said...

bom saber que voce gosta da gymboree! vou ver se levo a Babi la. Ela vai fazer 6 meses. Vc acha mais legal as aulas de musica ou as de play? obrigada Ju!!!! bjs

robertinha said...

ja to com saudade :)

Anonymous said...

JU, é incrível como não me acostumo com essas coisas...acho que em qualquer lugar do mundo, as pessoas deveriam pelo menos, ser simpáticas, dar um sorriso. Isso não tira pedaço.

Bjs
Lele

Anathalia said...

Primeiro que não sei como alguém conseguiria te tratar mal. A gente não se conhece pessoalmente, mas pelo que você escreve aqui e pelos recadinhos que você já me deixou, dá pra perceber que você é uma fofa.

O comportamento só piora vindo de uma brasileira. Acho isso triste. Preconceito é terrível vindo de qualquer pessoa e direcionado a qualquer pessoa. Muito feio!

Paula Duailibi Homor said...

que horror!!!
Tenho bode de gente arrogante e mal-educada.
Sorte sua que não teve que conhecer pessoa tão medíocre....
hahahaha to brava hoje, ne?
bjs

Carla Cavellucci Landi said...

Aconteceu o mesmo comigo: vi uma crianca timida, ouvi Portugues e fui la oferecer atencao, ela foi seca e praticamente me ignorou, me senti uma idiota. Dai decidi nao sofrer e so dizia oi e nao fui mais atras. Dias depois ela veio atras de mim, e na hora do aperto pra quem ela ligava?? Meu preconceito eh contra gente ignorante. Adoro ler seu blog, fazia tempo que nao vinha aqui. Quem sabe um dia a gente se cruza pelas ruas..